Anuncie Aqui

Web Rádio  Raphael Belo Xote

Vendedores estão pessimistas com as vendas no Centro de Juazeiro próximo ao Natal


Resultado de imagem para Centro de JuazeiroUma volta no Cento de Juazeiro do Norte e é possível observar as ruas cheias, calçadas disputadas e um grande número de ambulantes disputando atenção de possíveis clientes. A cena, no entanto, não necessariamente se converte em vendas expressivas, pelo menos para as lojas de eletrodomésticos. O Miséria foi à rua São Pedro e entrevistou alguns vendedores de lojas deste nicho. Por pedido de todos eles, as identidades foram preservadas. O diagnóstico, de acordo com os vendedores, não é bom. É unanimidade entre os cinco entrevistados de quatro lojas diferentes de que o movimento, na proximidade com o Natal, normalmente é maior.

Um funcionário da Macavi, que há pelo menos 20 anos trabalha na mesma unidade do Centro, diz que mesmo as vendas da Black Friday foram desanimadoras. A campanha que ocorre todo mês de novembro, no entanto, teve saldo positivo nos números nacionais. No total, o volume de vendas da Black Friday, de quinta a domingo, representou um crescimento de 11,2% quando comparado com o mesmo período do ano passado. Em 2017 o crescimento foi de 8,8%, segundo dados do Índice Cielo do Considerando apenas o volume comprado pelo comércio eletrônico, esse aumento foi ainda maior, de 25,2%, quando comparado com 2017. Em Juazeiro, a Câmara de Dirigentes Lojistas opera com comércio em horário especial desde o dia 13 e até o dia 23. A decisão foi tomada junto ao sindicato da categoria e tem o respaldo da prefeitura. A gestão pública promove apresentações culturais às 18 horas durante o período.

fonte: Site Miséria
Tecnologia do Blogger.