Anuncie Aqui

Web Rádio  Raphael Belo Xote

Médico acusado de ferir criança com pedrada em Crato foi preso por decisão judicial



O médico Alcides Muniz Gomes de Matos Filho, de 41 anos, foi preso por volta das 06h30min desta quinta-feira na academia quando policiais civis da Delegacia Regional de Crato cumpriram mandado judicial. Ele é acusado de lesionar uma criança com pedrada na cabeça na tarde do último dia 19 durante entrevero com o pai do bebê, Humberto Pinheiro, num loteamento perto do estádio Mirandão naquele município. O Delegado Regional de Policia Civil de Crato, Luiz Eduardo, representou pela prisão do prossional de saúde no que foi atendido pela comarca local e o cumprimento aconteceu na manhã de hoje por uma equipe cheada pelo Delegado Diogo Galindo. Doutor Alcides Filho cará à disposição do poder judiciário, enquanto a polícia conclui o Inquérito Policial.

De acordo com as investigações, ele se envolveu num conito com o empresário dono de caminhões, Humberto Pinheiro, o que teria sido motivado por causa de um débito no valor de R$ 1.000,00. O médico nega o débito e teria se irritado com a cobrança por parte de Humberto o qual teria feito um serviço para o mesmo.  A troca de insultos começou na hora em que Alcides chegou ao loteamento de um amigo comum e houve briga com o primeiro se utilizando de um pedaço de pau e Humberto com canivete. Em dado momento, o médico apanhou uma pedra e arremessou atingindo o bebê que ía chegando nos braços da mãe a qual tentava apaziguar os ânimos. O caso obteve grande repercussão no Cariri.

Sangrando bastante, a criança foi socorrida ao hospital e, internada, completou um ano de idade. Na noite desta quartafeira, o bebê foi submetido a uma segunda cirurgia no Hospital Santo Antonio de Barbalha. O mesmo se encontra num coma induzido e sendo avaliado constantemente pela equipe médica que o operou.

fonte: http://www.miseria.com.br
Tecnologia do Blogger.