Anuncie Aqui

Web Rádio  Raphael Belo Xote

Cearense interpreta Luiz Gonzaga em filme sobre sanfoneiro

Sanfoneiros fazem diferentes fases de Luiz Gonzaga em nova produção cinematográfica — Foto: Isanelle Nascimento
Um pequeno cantor e sanfoneiro do município de Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza, será o protagonista do filme sobre a infância de Luiz Gonzaga. Kayro Oliveira, 12, é o principal personagem de “Légua Tirana”, assinada pelos diretores Marcos Carvalho e Diogo Fontes. Ela dá vida à principal fase de descobertas de Gonzagão. Quem também participa do longa é o sanfoneiro e ator Chambinho do Acordeon, nome que ganhou o cinema nacional em “Gonzaga: de Pai pra Filho”. De uma comunidade indígena, Kayro Oliveira foi apresentado ao Brasil no programa The Voice Kids em 2018. O trabalho do pequeno prodígio chegou em 2019, por meio da TV Globo, nas mãos dos diretores de “Légua Tirana”.

Ele ficou duas semanas em Exu, dividindo o tempo entre gravações e atividades escolares. Na avaliação de Marcos Carvalho, Kayro é tão bom ator quanto sanfoneiro. “Ele foi uma dádiva. Um presente que ganhamos. Houve um processo seletivo. Tivemos parceria com emissoras de TV que ajudaram nesse processo. Sentimos que ele poderia ser nosso rei do baião quando criança. Fizemos alguns testes e não ficamos com nenhuma dúvida. Tinha de ser ele. Luiz Gonzaga habita essa criança, ele conhece muito bem até os trejeitos.”

Experiência Chambinho do Acordeon, residente de Fortaleza, conta que Kayro ligou logo após receber a informação que participaria da produção cinematográfica. “Ele me ligou todo alegre e disse: ‘Chambinho! O que diabo é esse negócio de laboratório de ator?’ Quando eu cheguei no dia da filmagem, ele já estava falando o nome dos equipamentos, já estava todo por dentro”, lembra o sanfoneiro. Para o novo filme, Chambinho revela que o sentimento dado às cenas foi diferente da primeira produção. “Passados quase sete anos, a figura de Luiz Gonzaga tem um peso. Principalmente para os sanfoneiros. Eu sempre penso na quantidade de pais de família que empregam funcionários, alimentam seu filho por meio do forró. Quando vem Luiz na cabeça, me vem o forró. Agora são macetes ensinados de Januário para Luiz Gonzaga. São cenas na roça e também indo para feiras tocar”, diz o músico.
Tecnologia do Blogger.