Anuncie Aqui

Web Rádio  Raphael Belo Xote

Sequestrador de ônibus é morto por atirador de elite na Ponte Rio-Niterói; os 37 reféns passam bem

O sequestrador de um ônibus na Ponte Rio-Niterói foi baleado e morto por um atirador de elite do Batalhão de Operações Especiais (Bope). Veja o momento em que o criminoso é atingido no vídeo acima. O homem, identificado como Willian Augusto da Silva, de 20 anos, desceu do coletivo e jogou um casaco para os policiais. Quando ia subir a escada para reembarcar, foi baleado. Todos os 37 reféns foram liberados sem ferimentos, segundo informações da Polícia Militar.

Pelo menos três snipers (atiradores de elite) estavam em posições estratégicas em volta do ônibus. Um deles estava deitado sobre um carro dos bombeiros e chegou a ser coberto por um pano vermelho.

Sequestrador desceu do ônibus armado e mostrou o rosto — Foto: Reprodução/GloboNews
Potes de gasolina
Willian intimidava os passageiros com uma arma de brinquedo e ameaçava a todo momento incendiar o ônibus. Para tal, cortou garrafas PET ao meio, encheu os recipientes com gasolina e os pendurou ao longo da cabine. Fotos de reféns mostram esses copos improvisados.

Garrafa dentro de ônibus sequestrado na Ponte Rio-Niterói teria gasolina — Foto: Arquivo pessoal
O Globocop flagrou quando Willian jogou, já em chamas, um desses recipientes para a frente do ônibus. Eram 6h31. Ninguém foi atingido.

Resumo
  • O sequestro foi anunciado às 5h26; pouco antes das 6h, o ônibus foi atravessado na pista sentido Rio da Ponte;
  • O criminoso ameaçava incendiar o veículo;
  • Seis pessoas foram liberadas, quatro mulheres - uma delas desmaiada - e dois homens;
  • Às 9h04, o atirador desceu do ônibus e foi morto por um atirador de elite.


Atirador de elite sobre caminhão do Corpo de Bombeiros mira ônibus na Ponte Rio-Niterói — Foto: Flávio Capitoni/ TV Globo

Tecnologia do Blogger.